21 de março de 2009

Dicas para o preparo de suspensões

***

Suspensões são formas farmacêuticas compostas por duas fase, uma líquida ou contínua e outra sólida dispersa. As partículas sólidas são insolúveis na fase líquida, porém através da agitação podem ser facilmente suspensas.

***

Uma "boa suspensão" deve apresentar determinadas características tais como tamanho de partículas reduzidas, sedimentação lenta das partículas sólidas dispersas, fluidez, redispersão facilitada e estabilidade física, química e microbiológica. A composição compatível, bem como a técnica adequada de preparo são fundamentais para a obtenção de uma suspensão farmacêutica "elegante" e estável.

***

Existem diversos métodos de preparo de suspensões dentre eles o mais rotineiramente empregado no preparo de suspensões em farmácia magistral consiste na na dispersão adequada da fase sólida com um agente molhante como por exemplo o propilenoglicol ou outro líquido viscoso compatível na fase líquida contendo um agente suspensor. Abaixo relacionamos passo a passo o preparo de uma suspensão por este método:

***

Procedimento de preparo de suspensão:
Passo 1: Dispersar o agente suspensor adequado (ex. CMC-Na, metilcelulose, goma xantana, etc) no veículo adequado (ex. água, xarope simples, sorbitol 70%, etc).
Passo 2: Tamisar os sólidos insolúveis a serem dispersos.
Passo 3: Levigar os sólidos com o agente molhante para formar uma pasta, utilizando um gral com pistilo.
Passo 4: Adicionar 1 em 3, pouco a pouco, triturando no gral com o pistilo.
Passo 5: Transferir para um cálice.
Passo 6: Adicionar os adjuvantes (ex. conservantes, flavorizantes, edulcorantes, corantes, etc) previamente solubilizados na fase líquida ou outro sistema co-solvente, misturando bem.
Passo 7: Completar para o volume final com a fase líquida e misture.
Passo 8: Embalar e rotular.

***

Nota: Como a suspensão é uma preparação viscosa, é comum haver uma perda significativa da formulação aderida no recipiente de preparo. Portanto, para compensar a perda, aconselha-se o preparo de uma quantidade excedente de 10%.

Referência: www.acessomagistral.com.br.